001 20040617113535
010   ^a978-989-557-345-5
021   ^aPT^b259937/07
100   ^a20090820d2005    cd y0pory0103    ba
101 0 ^apor
102   ^aPT
200 1 ^aPoemas da Natureza^fbreve antologia organizada, seleccionada e declamada por José Fanha^gilustrações de Pedro Pires
210   ^aCanelas^cGailivro^d2005
215   ^a64, [5] p.^cil. ;^d25 cm
300   ^aEste livro contém um CD Audio : registo nº 20090538-CDA
327 0 ^aIniciação^aMote alheio^aS. Jorge, bom dia^a<A >aldeia^aArco-íris^aTerra-mãe^a<A >minha casa é um cavalo^aDesgraça, enveja de tudo^aAreia, XXVII^aMoinhos^aAlentejano^aNunca encontrei um pássaro morto na floresta^aPôs-se o Sol: como já na sombra feia^aOdeceixe^aÁguia^a<A >casa acorda^aLá onde o sol demore^aNum álbum^aPara o museu do homem - 2^a<A uma >cerejeira em flor^aEu pertenço à sonolência deste azul^aQuem bate a uma porta de folhas^aDálias^aRemoinho^aHei-de trazer-te aqui para te mostrar^aEsteva^aCanção da floresta^a<O >rio^aBucólica^aProclamação^aAdora a flor das árvores, adora^aAlcácer que vier^aPalavras poucas^aSoneto menor à chegada do Verão^aAlentejo^aMuro de granito^aEpílogo^aProvérbio^a<O >vento^aCorvos multicolores^aPoema da rosa
330   ^aEste é o segundo volume de uma colecção iniciada com "Poemas com animais" que tem tido assinalável sucesso quer nas livrarias quer na apresentação em escolas. Estes livros procuram levar a todos, e sobretudo aos jovens, o que há de melhor na poesia portuguesa, permitindo conhecermos a maneira como os poetas portugueses ao longo dos tempos se referiam neste caso ao tema tão tocante para todos que é a natureza: Estes dois livros procuram também acender o gosto pela música da língua que incluem um CD áudio com a declamação de todos os poemas incluídos. Fonte: Wook
517 1 ^aIniciação
517 1 ^aMote alheio
517 1 ^aS. Jorge, bom dia
517 1 ^a<A >aldeia
517 1 ^aArco-íris
517 1 ^aTerra-mãe
517 1 ^a<A >minha casa é um cavalo
517 1 ^aDesgraça, enveja de tudo
517 1 ^aAreia, XXVII
517 1 ^aMoinhos
517 1 ^aAlentejano
517 1 ^aNunca encontrei um pássaro morto na floresta
517 1 ^aPôs-se o Sol; como já na sombra feia
517 1 ^aOdeceixe
517 1 ^aÁguia
517 1 ^a<A >casa acorda
517 1 ^aLá onde o sol demore
517 1 ^aNum álbum
517 1 ^aPara o museu do homem - 2
517 1 ^a<A uma >cerejeira em flor
517 1 ^aEu pertenço à sonolência deste azul
517 1 ^aQuem bate a uma porta de folhas
517 1 ^aDálias
517 1 ^aRemoinho
517 1 ^aHei-de trazer-te aqui para te mostrar
517 1 ^aEsteva
517 1 ^aCanção da floresta
517 1 ^a<O >rio
517 1 ^aBucólica
517 1 ^aProclamação
517 1 ^aAdora a flor das árvores, adora
517 1 ^aAlcácer que vier
517 1 ^aPalavras poucas
517 1 ^aSoneto menor à chegada do Verão
517 1 ^aAlentejo
517 1 ^aMuro de granito
517 1 ^aEpílogo
517 1 ^aProvérbio
517 1 ^a<O >vento
517 1 ^aCorvos multicolores
517 1 ^aPoema da rosa
532 13^aSão Jorge, bom dia
532 13^aArco íris
532 13^aTerra mãe
532 13^aAreia, vinte e sete
606   ^aAnimais^xTema
606 ^xPoesia
606   ^aLiteratura infantil
675   ^a821.134.3-1
702  1^aFanha,^bJosé,^f1951-^3AU01244^4220
702  1^aPires,^bPedro,^f1971-^3AU06683^4440
856   ^uhttp://www.bibliotecasobral.com.pt/BiblioNET/Upload/images/indices/indice20676.pdf^zClique para ver índice
859   ^uhttp://www.bibliotecasobral.com.pt/BiblioNET/Upload/images/imagem20676.jpg
920 n
921 a
922 m
923  
924  
925  
931 20090820
932 d
933 2005
935 cd 
936 y
937 0
938 ba
966   ^lSMA^a20090539^sI82-1/P-POE^c1^90^60^p12.67