Banner
Base conjunta - Biblioteca Municipal
Registos: 1 - 4 de um total de 4
O meu comentário Facebook Twitter LinkedIN
Título: A ovelha... negra
Autor(es): Cristina Malaquias
Publicação: [Lisboa] : Texto, 1988
Descrição física: 20 p. : il. ; 23 cm
Colecção: (Texto Infantil ; 2)
CDU: 087.5
Veja também: Malaquias, Cristina, 1955-
Localização: PL-MAL/OVE (SMA) - 3560
PL-MAL/OVE (DEP) (SMA) - 3560-A
PL-MAL/OVE (PSAP) (SMA) - 3560-B

O meu comentário Facebook Twitter LinkedIN
Título: Cidália Moreira [Registo sonoro]
Autor(es): Cidália Moreira
Publicação: Lisboa : Movieplay, p. 2000
Descrição física: 1 CD Audio (48 min., 6 seg.) : stereo + 1 folheto : 12 cm
Colecção: (Clássicos da Renascença ; 7)
Notas: 31.007
Contém: 1ª : Primeiro amor (vinte anos) (4:25). - 2ª : Amar, amar (3:37). - 3ª : Fado da sina (4:17). - 4ª : Rosa enjeitada (4:07). - 5ª : Minha mãe eu canto a noite (4:20). - 6ª : Ardinita (3:38). - 7ª : Ovelha negra (3:43). - 8ª : Cinta vermelha (2:56). - 9ª : Fiz do fado a minha sorte (2:05). - 10ª : Foi na travessa da palha (2:45). - 11ª : Fado da viela (5:12). - 12ª : Entrei na vida a cantar (2:16). - 13ª : Tempos que já lá vão (2:58). - 14ª : Há festa na Mouraria (3:10)
Assuntos: Música Tradicional--Portugal--Cd Audio | Fado (música)
Títulos relacionados: Primeiro amor (vinte anos) | Amar, amar | Fado da sina | Rosa enjeitada | Minha mãe eu canto a noite | Ardinita | Ovelha negra | Cinta vermelha | Fiz do fado a minha sorte | Foi na travessa da palha | Fado da viela | Entrei na vida a cantar | Tempos que já lá vão | Há festa na Mouraria
Veja também: Moreira, Cidália, 1944-
Localização: CDA0.1/P-MOR (GAV) (SMA) - 20013851-CDA

O meu comentário Facebook Twitter LinkedIN
Título: Transfado [Registo sonoro]
Autor(es): Anamar
Publicação: Portugal : Companhia Nacional de Música, p. [2004]
Descrição física: 1 CD Audio (ca 60 min.) : stereo + 1 folheto : 12 cm
Notas: CNM 137CD
Contém: 1ª : Eu não sabia. - 2ª : Só Ana. - 3ª : Vou num rio. - 4ª : Ovelha negra. - 5ª : O pobre. - 6ª : Amen. - 7ª : Maré cheia. - 8ª : O meu fado. - 9ª : País oceano. - 10ª : Independente
Resumo: Artista, cantora, actriz, compositora, “animal de palco”. Existe há muitos anos, não tem idade, não se sabe como vive... mas existe. Entre 1983 e 1994 Anamar dividiu a sua carreira artística com outras vertentes profissionais. Era a época em que lhe chamavam a “dama da noite”... nome que, ainda hoje, parece que veio para ficar. Anamar foi mãe, e a sua carreira artística passou para segundo plano. Nos anos seguintes, concentrou-se em estudar outras matérias que resultaram num volte face profissional, mas sempre ligada aos “negócios da criação”. De vez em quando aparecia, dava a cara à luz e a voz ao vento, e logo se afastava dos olhares do mundo. Do que ela não gosta muito é de festas, eventos sociais. Mas trabalhar sim, e por isso nunca se vai embora. E tem uma fé. Anamar acredita que através da arte, da música e do espectáculo se pode intervir na realidade, que cada pessoa pode ser criativa, verdadeira, responsável e fiel a si própria. Fonte: Fnac
Assuntos: Música Tradicional--Cd Audio--Portugal | Fado (música)
Títulos relacionados: Eu não sabia | Só Ana | Vou num rio | Ovelha negra | O pobre | Amen | Maré cheia | O meu fado | País oceano | Independente
Veja também: Anamar
Localização: CDA0.1/P-ANA (PSAP) (SMA) - 20052263-CDA
CDA0.1/P-ANA (GAV) (SMA) - 20050355-CDA

O meu comentário Facebook Twitter LinkedIN
Título: O coração tem três portas [Registo sonoro]
Autor(es): Dulce Pontes
Publicação: [E.U.] : Zona Música, p. 2006
Descrição física: 2 CD's Audio (ca. 120 min.) : stereo +1 folheto : 12 cm
Contém: 1º Cd:. - 1ª : Ovelha negra (Homenagem a Fernando Maurício). - 2ª : Maldição. - 3ª : Cigano. - 4ª : Não é desgraça ser pobre. - 5ª : Velha tendinha (Homenagem a Hermínia Silva). - 6ª : Ou passa ou não passa. - 7ª : Resineiro. - 8ª : Palhaços encapuçados. - 9ª : O meu menino é d'oiro (para o meu filho, José Gabriel). - 10ª : Folclore (o coração tem três portas: Cantiga da azeitona / S. João / Aboio). - 11ª : Os lobos e ninguém. - 12ª : A verdade do poeta (Homenagem a João Mendonça). - 13ª : A chorona (La Llorona). - 14ª : Ao bem de amar (de Gastão Neves). - 15ª : Há festa na Mouraria. - 2º Cd:. - 1ª : A charola (instrumental - Igreja do Convento de Cristo, Tomar). - 2ª : O meu Porto do Graal (Dueto com Uxia - Igreja do Convento de Cristo, Tomar). - 3ª : Há festa na Mouraria (Igreja de Sta. Maria, Óbidos). - 4ª : As mãos que trago (Refeitório do Convento de Cristo, Tomar). - 5ª : Senhora (Igreja de Sta. Maria, Óbidos). - 6ª : Avé-Maria sagrada (Claustro da fonte, Convento de Cristo, Tomar). - 7ª : Tenho uma casa no sul (dueto com Uxia - Capela dos Corvos, Tomar). - 8ª : Os amantes "Les amants de Teruel" (Sala do procurador, Convento de Cristo, Tomar). - 9ª : Uma caixa de pó (Capela dos Corvos, Convento de Cristo, Tomar). - 10ª : É da torre mais alta (Igreja de Sta. Maria, Óbidos). - 11ª : Folclore (O coração tem três portas: Cantiga da azeitona / S. João / Aboio) (remix)
Resumo: As três portas de um coração português: Fado, Folclore/Música popular Portuguesa e Música de inspiração medieval/ Fado de Coimbra. Uma paleta sonora de música de raiz portuguesa, onde é proposta uma viagem que atravessa vários estados de espírito no sentido de cumprir o propósito de nos fazer atravessar essas "portas abertas á emoção". O primeiro CD é testemunho do encontro sempre desejado com o público que Dulce tanto ama. Só poderia ter sido gravado ao vivo. O fado vive mais nesse encontro directo, quando se desnuda, partilha feridas e exalta a esperança cantando a tristeza ou sorri de cumplicidade face a uma "A velha tendinha" relembrando Hermínia Silva. De forma gradual e subtil o primeiro CD vai-se aproximando do folclore e da música popular portuguesa. Dulce segue as pegadas do grande mestre José Afonso criando uma atmosfera ora tradicional, ora vanguardista. Termina ao piano no seu mais íntimo fôlego, onde instrumento e voz são um só. O segundo CD foi gravado na Igreja de Santa Maria em Óbidos e nesse "castelo mágico" que é o Convento de Cristo em Tomar. Procurou as acústicas arquitectónicas de cada sala, elegendo cada uma delas em função da característica musical de cada tema, com o objectivo final de os servir e valorizar. Totalmente gravado ao vivo e a nu, revelando a sua formação clássica, consegue transmitir uma espiritualidade sem nome ou rito. Apenas o coração. O DVD possui um making-of , registo das gravações de Óbidos e Tomar e de um Concerto em Istambul. Fonte: Fnac
Assuntos: Canções--Portugal--Cd Audio | Música Moderna
Títulos relacionados: Ovelha negra | Maldição | Cigano | Não é desgraça ser pobre | Velha tendinha | Ou passa ou não passa | Resineiro | Palhaços encapuçados | O meu menino é d'oiro | Folclore | Os lobos e ninguém | A verdade do poeta | A chorona (La llorona) | Ao bem de amar | Há festa na Mouraria | A charola | O meu Porto do Graal | As mãos que trago | Senhora | Avé-Maria Sagrada | Tenho uma casa no sul | Os amantes "Les amants de Teruel" | Uma caixa de pó | É da torre mais alta
Veja também: Pontes, Dulce, 1969- | Uxia
Localização: CDA0.2/P-PON I - CDA0.2/P-PON II (SMA) - 20070564-CDA
CDA0.2/P-PON I (PSAP) - CDA0.2/P-PON II (PSAP) (SMA) - 20070564-A-CDA